Tesouro Direto ... que bicho é este e o que ele come ??

Negócios

Negócios
standard image post

Olá pessoal, hoje quero falar um pouco sobre o Tesouro Direto. Muitas pessoas me procuram para saber sobre ele, o que é, quanto rende, liquidez... nesta coluna vou explicar um pouco mais sobre o assunto!


O QUE É o  Tesouro Direto ?

Tesouro Direto é um programa de negociação de papéis do Tesouro Nacional. É uma boa aplicação para quem busca baixo risco, alta liquidez e retornos ligados ao motor básico da renda fixa.


ELE É  PROTEGIDO PELO GOVERNO?

Tesouro Direto, tem proteção do Fundo Garantidor de Crédito, ou seja, do governo, nos valores de até R$250.000,00 por CPF, por instituição financeira.  

 

QUAIS TIPOS EXISTEM?

Tesouro Selic é o mais simples para investir, inicia com valores de R$103,00 para primeira aplicação e é interessante para quem não sabe onde investir seu $, ou que já está com a vida financeira confortável e quer uma aplicação simples e que possa tirar valores com facilidade.

Tesouro IPCA ou Tesouro IPCA + juros semestrais – a aplicação neste fundo é para quem quer deixar o dinheiro mais tempo aplicado, este investimento se protege da inflação, portanto ganha dela todos os anos e rende juros sobre juros aplicados todos os meses. No caso dos IPCA com juros semestrais, a cada semestre o valor dos juros aplicados é creditado na sua conta da corretora já descontado o IR. Indicado para quem quer guardar $ para os filhos ou fazer uma aposentadoria extra.

Tesouro Pré-fixado – também é interessante para quem quer deixar aplicado mais tempo, a taxa Selic será pré –fixada e mesmo que varie no período, o seu rendimento estará garantido naquele percentual. Se a taxa subir você perde, mas se baixar você ganha, ele é indicado para quem tem medo da variação da taxa. 

 

QUAL A REMUNERAÇÃO E A LIQUIDEZ?

A remuneração de todas as modalidades é a taxa Selic, que são os juros básicos da economia e liquidez é considerada imediata, D+1.


QUAL A TRIBUTAÇÃO SOBRE O RENDIMENTO?

A alíquota de IR que incide sobre o investimento em títulos públicos é de:

22,5% sobre o lucro para aplicações que fiquem até 180 dias;

20% sobre o lucro para aplicações que fiquem até 181 a 360 dias;

17% sobre o lucro para aplicações que fiquem até 360 a 720 dias;

15% sobre o lucro para aplicações que fiquem acima de 721 dias;

Existe uma taxa fixa de custódia, anual, de 0,3% sobre o total da aplicação.

 

INDICAÇÃO DE  CORRETORAS CONFIÁVEIS

As principais corretoras no ranking brasil 2019 são: RICO, XP Investimentos, Modal e Easynvest, o seu banco de conta corrente provavelmente também faça isto para você, mas as taxas das corretoras e os aplicativos que elas fornecem tem sido melhores. 

 

De uma forma bem simples espero ter ajudado você a entender melhor o que é o Tesouro Direto, assunto que é pauta em muitas rodas de investidores!

 

            Todo meu carinho,             

 

Iara Cristina Bussolotto