Líder de si por Marciele Scarton | Faça isso e fale em público com mais tranquilidade

Negócios

Negócios
standard image post

A comunicação empodera, concorda? Porém, quantas vezes você deixou de conquistar algo por medo de se expressar, de apresentar suas ideias, seus produtos?

Quantas vezes deixou de ser ouvida, porque não falou ou porque falou pra dentro, se escondendo, quase tapando o rosto e dizendo “nem me olhe”, em vez de mostrar com convicção quem você é, para que você veio?

Falar ao público é mesmo desafiador. Então, como perder o medo ou ter mais coragem nesses momentos?

Essa dica que eu vou passar vale para apresentar uma ideia no trabalho, em reuniões, fazer uma palestra, uma live, gravar um vídeo para as redes sociais, até para uma conversa, numa oportunidade de falar de teus produtos, serviços ou de quem você é.

Para isso, eu preciso mencionar porque o medo de falar em público está entre os maiores que o ser humano tem - junto com o medo de morrer, de altura e de cobras - , porque o medo que a gente sente não é de falar e sim de ser criticada ao falar.

Sabe o que resolve? Tirar o foco da gente e colocar o foco no outro. Ah, Marci, vai vir com aquela história  antiga de imaginar as pessoas da plateia peladas? Não, pode ficar tranquila. O xis da questão é focar no benefício que a tua fala, a tua ideia, o teu produto, estará proporcionando a quem ouve. Você deixa de pensar em como está sua voz, sua fala, seu cabelo, sua maquiagem, sua roupa, e no que os outros podem, talvez, pensar e falar de você. E faz toda a sua explanação pensando no tanto que ela vai ser útil pra quem está diante de você.

Respira fundo e pensa assim: “_Se falar diante dessa plateia (ou gravar um vídeo, ou me posicionar na reunião) fará algo importante chegar até as pessoas que estão aqui na minha frente (seja um novo conhecimento, uma informação, um dado que faça diferença na vida delas, uma solução) eu tenho que falar!

Isso é o que importa, a diferença que você fará com a sua apresentação, com a sua fala. 

Vou usar o exemplo de uma empreendedora, que tem uma loja de roupas.  Ela precisa mostrar seus produtos pra vender, certo? Mas, ela pode ficar envergonhada de vestir e mostrar as peças da nova coleção nas redes sociais por questionar se está mesmo bem com os looks, se sabe falar direito, se sua voz é bonita ou não..... Porém, se ela pensar que ao mostrar as peças estará proporcionando mais felicidade e autoestima paras mulheres, um momento especial, satisfação paras clientes, ela se encoraja!

Uma pessoa que trabalha com seguros está apresentando opções em uma reunião de entidade, mas ela não está acostumada a fazer isso e ficar pensando a todo momento se a oratória dela está mesmo boa. Assim, ela vai seguir insegura (e muitas vezes vermelha) do começo ao fim. Mas se ela pensar que, ao falar dos seguros ela poderá salvar a vida financeira de famílias inteiras do interior, caso haja uma chuva de pedra ou uma seca absurda que prejudique toda produção de uma lavoura, tenho certeza que ela ergue os ombros e fala aliviada por estar cumprindo essa importante missão.

É só uma questão de mudar o pensamento.

Fica mais fácil girando essa chavezinha, não é?

E você, quando precisa falar em público, tem pensando mais em você, em como está sua figura, ou na importância do que você está expondo para as outras pessoas?

Da próxima vez que precisar falar, para mais pessoas do que está acostumada, lembre-se disso, tire o foco de você e mire no benefício que estará proporcionando ao seu interlocutor.